II SIMPÓSIO SOBRE USO RACIONAL DE ANTIMICROBIANOS

O curso de Medicina da UNIPAC Araguari realizou, nos dias 7 e 8 de Maio, o II Simpósio sobre Uso Racional de Antimicrobianos na Prática Clínica. O evento foi coordenado pela Profa. Daniela Henriques Soares Lopes Debs e contou com a presença de estudantes e professores da Instituição, além de médicos e enfermeiros da rede pública e privada.

As palestras foram ministradas pela Dra. Lucieni Oliveira Conterno, Infectologista com especialização em Epidemiologia, e pela Enfermeira Silvana Martins Dias Toni, do Serviço de Controle da Santa Casa de Marília. De acordo com a coordenadora do evento, a ideia é trazer a discussão sobre antibioticoterapia anualmente para o município. “Esse ano nós escolhemos o tópico sobre infecções hospitalares e conseguimos a adesão de praticamente todos os hospitais da cidade e da Prefeitura Municipal, que inscreveu todos os seus enfermeiros. Essa temática sem dúvida nenhuma enriquecerá o nosso dia a dia dentro dos hospitais, aumentando a segurança para os profissionais e principalmente para a população”.

Durante o primeiro dia do evento foram abordados os Conceitos Gerais e principais Infecções Hospitalares (IH), Vigilância Epidemiológica, Programa de Controle das IH, o Papel da enfermagem, os Critérios e Diagnósticos Nacionais além do tema Medidas de controle e princípios gerais de Manuseio de Feridas. Segundo a Dra. Lucieni, a infecção hospitalar é considerada hoje um problema de saúde pública. “É fundamental que os alunos sejam treinados em relação a esse tema, porque eles estarão lidando com hospitais”. A especialista acrescenta que a melhor forma de prevenir as IHs é lavando as mãos. “Parece uma coisa tão simples, envolve não apenas os profissionais da área de saúde mas também pacientes e acompanhantes. É fundamental no controle de infecções. O correto é lavar as mãos antes e após examinar ou realizar qualquer contato com os pacientes ou objetos dentro do hospital”.

No segundo dia foram abordadas as Principais Infecções Hospitalares, Fatores de Risco e Princípios Terapêuticos e ainda Precauções de Contato e a Higiene Hospitalar no controle das infecções. Além disso, a Dra. Lucieni realizou uma palestra com o tema “Desafio atual no Controle das IH: Bactérias Multirresistentes e o Uso Racional de Antimicrobianos”. A enfermeira Silvana Martins, comenta que no mês de Maio é comemorado o dia Mundial da Higienização das Mãos (05) e o Dia Nacional da Infecção Hospitalar (15). “Nós temos um índice aceitável de infecções hospitalares dentro do Brasil. O correto é que as instituições façam sempre uma vigilância, montando seus indicadores e fazendo sua série histórica, para ver se estão dentro do aceitável ou não, pois, o importante dentro de um serviço de controle não é apenas fazer uma notificação, ou ter indicadores como vigilância epidemiológica de dados, mas sim PREVENIR as infecções”.

A coordenadora do evento afirma que o encontro atingiu às expectativas. “Felizmente, as infecções hospitalares não são muito frequentes no nosso município, mas é uma realidade mundial. Esse é um tema bastante específico, voltado para quem está ligado direta ou indiretamente ao atendimento hospitalar e atendeu plenamente às nossas expectativas, principalmente com a adesão dos colegas, dos alunos e da prefeitura” e do constante apoio da Direção geral da nossa instituição, conclui.

































Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...