VI Workshop de Iniciação Científica - PROGRAMAÇÃO



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

UNIPAC ARAGUARI PROMOVE XIX SEMANA DE DESENVOLVIMENTO DOCENTE

Os professores da Faculdade Presidente Antônio Carlos de Araguari participaram nos dias 19 e 20 de novembro da XIX Semana de Desenvolvimento Docente do curso de Medicina e Ciências da Saúde de Araguari, promovido pela instituição no Espaço Interativo de Aprendizagem. A oficina, que discutiu o tema “Organizar um currículo por competências”, foi ministrada pelo professor Dr. Carlos Alberto Lazarini, docente da Faculdade de Medicina da Marília (FAMEMA).

De acordo com o Dr. Carlos Alberto Lazarini, os objetivos da Semana de Desenvolvimento Docente foram atingidos. “Eu consegui fazer com que os professores pensassem sobre o assunto proposto, que é a competência do profissional com o seu fazer diário. Para isso, nós trouxemos material teórico e fizemos importantes discussões. Agora cabe aos docentes refletir sobre o que foi discutido e pensar em possibilidades para cada cenário que cada um atua”, afirmou. 

O Dr. Carlos Alberto Lazarini ressaltou ainda a importância desta capacitação em um momento que o curso de Medicina no Brasil aprovou suas novas diretrizes para o ano de 2015. “O tema discutido é extremamente primordial no atual momento da Medicina. Ao olharmos as novas diretrizes percebemos que elas estão totalmente centradas e focadas na construção de um currículo para os futuros médicos, orientados por competências”, explicou.

Ivana Cardoso de Melo, coordenadora do Núcleo Estruturante de Curso de Medicina (NDE) da UNIPAC Araguari, avaliou positivamente a capacitação, ressaltando a oportunidade de reavaliar o currículo e as metodologias aplicadas. “Agora é o nosso momento de refletir quais as competências que nós queremos para o nosso curso, para o nosso egresso e direcionar o nosso trabalho para a esta tarefa e, assim, darmos continuidade ao que estamos fazendo, porque as novas diretrizes requerem uma ampliação das habilidades que o acadêmico de Medicina precisa para ingressar no mercado de trabalho”, explicou.

O professor Dr. Carlos Alberto Lazarini, que presta assessoria para a UNIPAC Araguari há quatro anos elogiou a evolução do curso de Medicina. “Nós da FAMEMA percebemos o quanto o curso já evoluiu ao longo desses quatro anos. Eu tive oportunidade de fazer este trabalho várias vezes e cada vez que eu venho, me surpreendo mais com o quanto o curso já se desenvolveu”, ressaltou.

O Núcleo Estruturante de Curso de Medicina (NDE) da UNIPAC Araguari agradece a todo o apoio da Direção Geral da Faculdade e a todos os setores que contribuíram para a realização bem-sucedida da Semana de Desenvolvimento Docente.










Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

LIGAS ACADÊMICAS DO CURSO DE MEDICINA REALIZAM SIMPÓSIO SOBRE O ENVELHECIMENTO CEREBRAL

A Liga Acadêmica de Neurologia e Neurocirurgia de Araguari (LANNA), em parceria com a Liga Acadêmica de Geriatria e Gerontologia de Araguari (LAGGA) promoveu no dia 18 de novembro, terça-feira, o I Simpósio sobre o Envelhecimento Cerebral, no auditório da Capela. Estiveram presentes como palestrantes, o geriatra e preceptor da LAGGA, Prof. Dr. Fernando Mattar Accetti, o neurologista, neurocirurgião e preceptor da LANNA, Prof. Dr. Marcelo Cardoso de Assis e o psiquiatra e psicogeriatra Prof. Dr. Dante Galileu Guedes Duarte.

As ligas acadêmicas LANNA e LAGGA decidiram organizar o Simpósio sobre o Envelhecimento Cerebral juntas por se tratar de uma temática em comum. O objetivo do evento foi promover o conhecimento e trazer um aprofundamento de um assunto relevante, já que a expectativa de vida no Brasil tem aumentado.

De acordo com Marcelly Francisco da Cruz, diretora de divulgação e marketing da LANNA, a tendência é que a condição e expectativa de vida das pessoas aumentem, fazendo com que o público idoso frequente cada vez mais os consultórios médicos. “Em termos de conhecimento, este Simpósio traz a oportunidade de nos diferenciar dos outros profissionais em uma abordagem recente no currículo médico”, afirmou.

O psiquiatra e psicogeriatra Prof. Dr. Dante Galileu Guedes Duarte destacou que sua palestra teve a intenção de mostrar aos alunos que as abordagens psiquiátricas no idoso são pouco estudadas na atualidade, tendo uma maior prevalência, sendo necessária uma abordagem multidimensional para trata-lo.

O Prof. Dr. Dante Galileu Guedes Duarte destacou ainda a oportunidade de um contato mais próximo com os discentes. “Este Simpósio abre mais a gama de observação dos estudantes. Com isso, eles podem questionar mais. E nós, professores, em eventos como este, podemos nos aproximar dos alunos e trazer ideias que na sala de aula não temos oportunidade de passar”, explicou.

O dinheiro arrecadado com as inscrições do I Simpósio sobre o Envelhecimento Cerebral será revertido na compra de fraldas geriátricas para o Asilo São Vicente de Paula e Abrigo Cristo Rei. A data de entrega ainda será combinada entre as ligas acadêmicas.



























Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

LIGA DE HUMANIZAÇÃO DO CURSO DE MEDICINA REALIZA DOAÇÕES DE LENÇOS E BRINQUEDOS

A Liga Acadêmica de Humanização Plantão da Palhaçada (LAHPP) do curso de Medicina da UNIPAC Araguari promoveu duas ações solidárias na tarde do dia 14 de novembro, como forma de encerramento de suas atividades de extensão. A primeira delas foi a distribuição de brinquedos arrecadados na própria Faculdade para Pediatria do Hospital Santa Casa de Misericórdia de Araguari. Já a segunda resumiu-se na entrega de 37 lenços de cetim para pacientes de oncologia do Hospital do Câncer de Uberlândia.

A arrecadação de brinquedos foi feita por meio de duas caixas, colocadas nas portarias da Faculdade. Os alunos do curso de Medicina fizeram uma campanha, divulgando nas salas de aula, de forma a incentivar as doações. “Nós fizemos a entrega tanto para as crianças que estavam na Pediatria como para a própria Pediatria. Todos os brinquedos estavam em ótimo estado. Tivemos, inclusive, doações de brinquedos novos, na própria embalagem”, afirmou Alice de Paula Machado, presidente da LAHPP.

De acordo com Alice, a única limitação do projeto foi o pequeno número de pacientes. “A doação superou nossas expectativas e as crianças ficaram muito satisfeitas. Como sobraram muitos brinquedos, nós deixamos na Pediatria da Santa Casa de Misericórdia para os futuros pacientes”, explicou.

Já os lenços de cetim foram arrecadados para serem distribuídos durante o encerramento da Campanha Outubro Rosa. Como vieram a sobrar 37, os membros da Liga de Humanização decidiram doá-los aos pacientes do Hospital do Câncer de Uberlândia.

A doação foi feita diretamente à ONG Grupo Luta Pela Vida, responsável por repassar aos pacientes que mais necessitam e que venham a solicitar. “Nós não tivemos contato direto com os pacientes por eles estarem com um sistema imunológico mais propício a enfermidades. Mas só a satisfação de estarmos ali ajudando já foi muito importante para nós”, explicou Alice.

Com estas duas ações a Liga de Humanização Plantão da Palhaçada encerra suas atividades de extensão e avalia este semestre de forma positiva. “Com estas ações nós conseguimos fechar o hall de atividades do ano. Nós iniciamos a nova geração da LAHPP em junho e posso dizer que foi um excelente semestre. E nós já temos novos projetos para serem executados e esperamos que o próximo semestre possa ser tão bom como este. E não podemos esquecer de agradecer à UNIPAC Araguari por todo o apoio e incentivo”, conclui Alice.







Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

ACADÊMICOS DO CURSO DE MEDICINA REALIZAM CURSO SOBRE CARDIOLOGIA E NEFROLOGIA

A Liga Acadêmica de Urologia e Nefrologia de Araguari (LAUNA) do curso de Medicina da UNIPAC Araguari organizou entre os dias 03 e 06 de novembro, no Anfiteatro instituição, o “Curso de Anti-hipertensivos e o Envolvimento Renal em Doenças Crônicas”, com palestras do professor e cardiologista Dr. Rodrigo Kamimura de Castro e da professora e nefrologista Dra. Flávia Santos de Oliveira.

A Dra. Flávia dos Santos de Oliveira destacou a importância fundamental da UNIPAC Araguari em proporcionar cursos sobre esta temática, num atual momento da Medicina em que se tem tratado o paciente com banalização. “O objetivo da palestra foi passar para os alunos que hoje nós lidamos com pacientes com muitas comorbidades, é difícil nós pegarmos um paciente só hipertenso ou só diabético. Se faz necessário um exame mais apurado, de forma a colocar em prática o que aprendemos nos livros”, explicou.

De acordo com Brunno Santana Oliveira, presidente da LAUNA, o objetivo do curso é preencher lacunas no aprendizado e oferecer um conteúdo de interesse aos discentes. “O médico que se forma tem a obrigação de saber desses assuntos, pois precisará lidar com pacientes que tenham pressão alta. Com certeza os participantes aprenderam bastante, porque a nossa ideia surgiu de nossas deficiências”, relatou Brunno.












Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...