Visita ao Instituto de Nefrologia de Araguari

  
Nos dias 14 e 16 de junho, o curso de Medicina promoveu a visita ao Instituto de Nefrologia de Araguari. A atividade teve como objetivo conhecer, na prática, como funciona a diálise, o ambiente em que é feito, as precauções que se deve tomar com todos os setores, desde a captação da água até o momento em que é feito o banho.


Em um primeiro momento, foi feita uma apresentação das salas onde é feita a hemodiálise, mostrando que há salas especiais para portadores de Hepatite B.

Posteriormente, foi explicado como é o funcionamento das máquinas, como é feito o banho, a filtração da água utilizada no banho, a limpeza dos equipamentos utilizados, etc.

Estavam presentes 10 pessoas, dentre docente e discentes da Liga Acadêmica de Urologia e Nefrologia do curso de Medicina.



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

II Mesa Redonda de Atualidades Médicas: Os limites e conflitos da Eutanásia e Distanásia


Na última quinta-feira (01/06), o curso de Medicina promoveu a II Mesa Redonda de Atualidades Médicas: Os limites e conflitos da Eutanásia e Distanásia. A atividade teve como objetivo um debate entre diferentes discentes da área da saúde acerca do tema.

Em um primeiro momento, tivemos três palestrantes, o Dr. William Gebrim Jr (Médico), Dra. Mariana Gonçalves (Médica) e Dr. Alfredo Vaz Moura (Advogado), cada um teve vinte minutos para expor suas ideias e opiniões acerca de um tópico sobre o tema. Posteriormente, abrimos para um debate com todos os participantes.

Foram ministradas as palestras: Introdução sobre Eutanásia e Distanásia (Dr. William Gebrim); Distanásia em UTI neonatal e pediátrica (Dra. Mariana Gonçalves); Biodireito: Implicações jurídicas da Eutanásia e da Distanásia (Dr. Alfredo Vaz Moura).

Estavam presentes 239 pessoas, dentre discentes do curso de medicina,do direito, profissionais da área da saúde e alunos do ensino médio de escolas de Araguari.






Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

III Simpósio da L.A.A.D. “O corpo como renovação da vida e do conhecimento: Doação de corpos para estudo universitário e órgãos para transplante”


Na última terça-feira (30) de maio de 2017, a Liga Acadêmica de Anatomia e Dissecação curso de Medicina promoveu o III Simpósio da L.A.A.D. “O corpo como renovação da vida e do conhecimento: Doação de corpos para estudo universitário e órgãos para transplante”. A atividade teve como objetivo orientar a comunidade acadêmica dos cursos de Medicina, Enfermagem, Nutrição, Educação Física, Farmácia e escolas alunos de escolas técnicas em saúde sobre a manutenção do potencial doador em Unidade de Terapia Intensiva. Além disso, promover o conhecimento da comunidade sobre o cadastro de indivíduos que tenham interesse em doar seus corpos para estudos acadêmicos e pesquisa na Universidade Federal de Uberlândia.

Em um primeiro momento, O professor Dr. Cassiano realizou a apresentação sobre O que é Morte Encefálica, como é seguido o protocolo de atendimento na identificação do paciente em Morte Encefálica, por fim atribuiu o conhecimento acerca da manutenção do indivíduo até o momento da captação de órgãos.

Posteriormente, a Profª Drª Vanessa, realizou a apresentação sobre as leis brasileiras sobre a doação de corpos para estudo anatômico e pesquisa científica, em outro momento, esta, explicou sobre as necessidades de doação de corpos e finalizou explanando o programa de cadastro de indivíduos que tenham interesse em doar corpos para a Universidade Federal de Uberlândia.

Foram ministradas as palestras Doação de corpos para estudo universitário e Órgãos para transplante.

Estavam presentes 134 pessoas, dentre discentes do curso Medicina, Enfermagem, Nutrição, Educação Física, Farmácia e escolas alunos de escolas técnicas em saúde.









Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

AÇÃO PARTICIPATIVA DOS ACADÊMICOS DE MEDICINA NA CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA H1N1


No dia 31 de maio de 2017, o curso de Medicina promoveu a AÇÃO PARTICIPATIVA DOS ACADÊMICOS DE MEDICINA NA CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA H1N1.

A Influenza é uma infecção aguda do sistema respiratório que pode ser causada por três tipos de vírus: A, B e C. O vírus influenza C causa apenas infecções respiratórias leves, por isso não possui impacto na saúde pública e não está relacionado com epidemias. Os vírus influenza A e B são responsáveis por epidemias sazonais, sendo o vírus influenza A responsável pelas grandes pandemias. 

No Brasil, até abril de 2017, foram confirmados laboratorialmente 3384 casos de síndrome respiratória aguda grave (SRAG) notificados na vigilância universal, desses 15,2% (513) foram diagnosticados como Influenza, com predomínio do vírus Influenza A(H3N2). Entre as notificações dos óbitos por SRAG, 15,0% (83/554) foram confirmados para influenza, com prevalência do vírus Influenza A(H3N2) (MINISTÉRIO DA SAÚDE, 2017).

A atividade teve como objetivo fornecer informações a respeito da Influenza, esclarecer dúvidas e realizar a vacinação de pacientes que procuraram a Unidade Básica de Saúde da Família (UBSF) Brasília, no município de Araguari – MG.

Em um primeiro momento, os acadêmicos foram divididos em duplas, as quais realizaram apresentações orais acerca do tema H1N1, aferiram a pressão arterial e esclareceram as dúvidas dos sujeitos na sala de espera. 

Posteriormente, foi realizada a vacinação dos pacientes que procuraram a UBSF Brasília no período vespertino das 13:15 às 17:00.

Participaram da ação, aproximadamente, 100 pessoas, dentre discentes do curso de medicina, profissionais da área da saúde e indivíduos que compareceram à UBSF no período em que estava sendo realizada a ação.










Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...