Estudantes do curso de Medicina da UNIPAC Araguari promovem interação com a comunidade do Bairro Maria Eugênia


As professoras Líbera Souza, Luana Barros e Melissa Reis e os alunos da Unidade de Ensino Integrada (UEI) Interação Comunitária do 3º período do curso de Medicina da UNIPAC Araguari realizaram, no dia 16 de abril, uma Ação de Promoção a Saúde com a comunidade do Bairro Maria Eugênia. O objetivo foi orientar a população sobre a diabetes e hipertensão, seus sintomas, formas de prevenção e cuidados necessários.

De acordo com a professora Luana Barros, o acompanhamento dos pacientes teve início na Unidade Básica de Saúde Família (UBSF) Maria Eugênia. “Os alunos do terceiro período fazem a visita domiciliar, como, por exemplo, realizando o acompanhamento aos hipertensos e diabéticos. Além de colher dados em relação às doenças, eles fazem orientações em relação à importância da atividade física, dieta e a medicação correta”, explica. Durante a realização da ação,os alunos promoveram uma atividade quando puderam aferir a pressão arterial e verificar como estavam os níveis glicêmicos dos atendidos. “A comunidade participa e recebe muito bem os alunos. A ideia é melhorar a qualidade de vida deles, então acho que a gente trabalha positivamente em relação a isso. Além disso, essa interação faz com que eles fiquem próximos das pessoas e entendam as particularidades da comunidade, que é uma realidade muito diferente do que vivem”, ressalta.

Durante a Ação de Promoção a Saúde, foi exibido um vídeo com instruções sobre os cuidados necessários, as formas de identificação da doença e informações de como se prevenir. “Nessa disciplina, ainda vinculado às atividades práticas, os estudantes também tem contato com a parte teórica. Eles buscam informações sobre as doenças e as formas corretas de orientar a população. Ao mesmo tempo em que ensinam, eles aprendem bastante”, comenta a professora.

Os alunos prepararam também, para o evento, um teatro para demonstrar de que formas a comunidade pode ser prevenir. A discente Lara Barbosa afirma que a maioria dos hipertensos toma os medicamentos corretamente, mas não faz dietas nem exercícios físicos, que são importantes para o controle da doença. “Eles têm muito interesse em receber informação, tanto é que nas ações de saúde que realizamos sempre tem muitos participantes. Essa atividade é uma introdução à nossa profissão. É importante ter esse contato com o pessoal, saber quais são as dúvidas deles e quando a gente passa o conhecimento,também estamos aprendendo. Estou muito contente com o ensino oferecido pela UNIPAC Araguari”, destaca.

Após as orientações, a equipe sorteou brindes e ofereceu um lanche saudável a toda a comunidade. Marta Luzia da Silva foi atendida pelos estudantes e afirma que aprendeu bastante com a atividade. “Eu não fumo e não bebo, mas sou diabética e hipertensa. Meu resultado de glicemia  hoje foi alto, mas quero melhorar minha saúde. Achei muito importante a iniciativa da UNIPAC Araguari. Foi uma maneira interessante de passar essa informação, porque muitos levam a doença na brincadeira”, comenta.

De acordo como professor Marcos Paulo de Sousa, coordenador da UEI Interação Comunitária, “as atividades vivenciadas/implementadas  e pesquisas/estudos realizados pelos estudantes e professores, por meio de visitas domiciliares, ações de promoção a saúde e conferências teóricas semanais, visam, dentre outros objetivos, inserir os acadêmicos na prática cotidiana da Medicina de Família e Comunidade em diversos cenários de ensino-aprendizagem”. 

A Faculdade Presidente Antônio Carlos de Araguari promove atividades de interação comunitária pensando no bem estar e saúde de toda a população, promovendo também o desenvolvimento profissional e pessoal dos discentes. 




























Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...