POR UM TRÂNSITO MAIS SEGURO: ALUNOS DO CURSO DE MEDICINA PARTICIPAM DO “MAIO AMARELO” COM AÇÕES EDUCATIVAS

Como forma de apoiar o Movimento Maio Amarelo, que tem por objetivo chamar a atenção da sociedade para o alto índice de acidentes de trânsito em todo o mundo, os alunos do Diretório Acadêmico Diogo Guimarães (DADG), da Liga Acadêmica de Neurologia e Neurocirurgia de Araguari (LANNA) e da Liga Universitária de Trauma de Araguari (LUTA) do curso de Medicina do Instituto Master de Ensino Presidente Antônio Carlos – IMEPAC Araguari realizaram, nas últimas duas semanas, ações de conscientização em escolas, bares e semáforos.


Os estudantes tiveram o apoio da Secretaria Municipal de Educação, Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes e Mobilidade Urbana (SETTRANS), 10º Pelotão do Corpo de Bombeiros e do 53º Batalhão da Polícia Militar.

Dando início às atividades, os discentes realizaram palestras educativas, entre os dias 19 e 22 de maio, nos centros educacionais da rede municipal, C.E.M. Prof. Hermenegildo Marques Veloso, C.E.M. Mário da Silva Pereira, C.E.M. Papa João Paulo XXIII, C.E.M. Ten. Cel. Vilagran Cabrita e C.A.I.C – Dr. Arcino Santos Laureano.

O objetivo das palestras não foi atingir apenas os motoristas do futuro, já que as crianças podem exercer uma forte influência sobre os pais. “Alguns pais vieram nos agradecer porque seus filhos chegaram em casa dando aula de trânsito e falando como o cinto de segurança pode salvar vidas. Isso tem nos motivado a nunca desistir do trabalho de conscientização”, afirmou José Maximino, instrutor da SETTRANS, conhecido como Zeca do Trânsito.

A educadora de trânsito da SETTRANS, Eliana Pereira Melo, destacou a importância da participação dos alunos do curso de Medicina nas palestras. “Eles podem falar do assunto com propriedade, porque enfrentam as conseqüências acarretadas pelos acidentes. A partir do momento em que trabalhamos com casos verídicos, conseguimos sensibilizar e convencer as crianças das responsabilidades de cada indivíduo”. 

Dando sequência às atividades, no dia 19, foi realizada uma blitz educativa na porta do IMEPAC. Alguns veículos foram parados e os condutores receberam orientações dos alunos sobre como ter uma conduta correta no trânsito.

“É muito louvável que instituições como o IMEPAC Araguari preocupem com a diminuição do número de acidentes. Esse tipo de evento nos ajuda muito, principalmente porque incentiva os motoristas a usarem o cinto de segurança, a andarem em uma velocidade menor, os motociclistas a usarem capacete. A Polícia Militar, como um todo, busca diminuir os acidentes e salvar vidas e, para que isso aconteça, a educação deve vir em primeiro lugar”, ressaltou o Subtenente Adailton Ferreira de Carvalho, responsável pelo Pelotão de Trânsito do 53º Batalhão da PM.

O encerramento das atividades do “Maio Amarelo” em Araguari aconteceu no último final de semana, quando os alunos do IMEPAC foram até alguns bares da cidade com a missão de distribuir bolachas de chope com mensagens educativas e dar orientações sobre os riscos de se dirigir alcoolizado.

Conscientizar a população, incentivar bons hábitos e lutar pela melhoria da sociedade: essas são marcas do IMEPAC, que apóia a iniciativa de seus alunos e está de portas abertas para futuros projetos. Que com a realização deste “Maio Amarelo” o nosso trânsito possa se tornar mais humanizado, sem acidentes ou vítimas fatais.







































Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...